Trator de galinhas

Utilização de galinheiros móveis como trator de galinhas no pré-preparo de canteiros e controle biológico de parasitas e ervas daninhas.

galinheiro-02a.jpg

Aqui no Curupira usamos muito o galinheiro móvel para o preparo de canteiros e controle de insetos. (Foto acima eu e o “marvado”, abaixo um exemplo de galinheiro adaptado para espaços e canteiros pequenos). As galinhas alimentam-se de ervas daninhas e insetos que comem as hortaliças, e ainda deixam através do esterco, nitrogênio no solo que irá alimentar as hortaliças que crescerão posteriormente. Perceberam como as coisas estão conectadas? Pode-se também alimentá-las com sobras da cozinha e excedentes de canteiros. No verão, quando o sol e a temperatura ficam mais fortes, os galinheiros ficam em um pomar totalmente sombreado onde a temperatura é mais amena, e no final da tarde as soltamos para alimentarem-se de outras ervas silvestres, insetos e frutas que caem no chão.

galinheiro-01.jpg

Antes de anoitecer todas voltam para os galinheiros para dormir, daí então fechamos as portas de entrada. Também são um ótimo controle biológico para a mosca da fruta, pois as galinhas preferem se alimentar da parte interna nos frutos comendo as larvas em desenvolvimento, quebrando assim o ciclo de vida do insetos indesejáveis. Costumamos dar para elas alho diluído na água como controle de vermes e também é considerado um pró-biótico natural. Tronco de bananeira também é um ótimo controle de vermes e elas adoram. Em muitos casos onde as galinhas são consorciadas como outros animais, como piquetes que criação de gado, elas exercem uma função muito importante, pois alimentam-se de carrapatos e larvas da mosca do chifre, fazendo um controle destes parasitas. E como se bastasse tudo isso, fornecem carne de ótima qualidade sem promotores de crescimentos ou antibióticos e ovos diariamente.

galinheiro-05.jpg

Na foto acima mostra galinheiros móveis junto com cerca elétrica, usado para fazer o bosqueamento da área (limpeza e adubação da área do piquete), para plantio posterior de bananeiras, palmitos, uva japonesa, amoras silvestres, cará moela, erva mate, café e outras frutíferas que se adaptam ao sombreamento moderado. Abaixo aparece um galinheiro adaptado ao formato do canteiro. Neste caso foi utilizado uma antiga casinha dos cachorros para o dormitório dos pintinhos em crescimento.

galinheiro-04.jpg

_________________________________________________________

Na seqüência aparecem duas fotos tipo antes e depois.São galinhas trabalhando em um piquete de cerca elétrica de 3 fios. A foto (A) registra o início da capina, e na foto (B) registra o terceiro dia.

galinhas-antes.jpg (A)

 

galinhas-depois.jpg (B)

 

Elas são seletivas para se alimentar, primeiro procuram os insetos, pequenos anfíbios, lesmas, caramujos, sementes, frutas e até mesmo algumas serpentes. Já presenciei um grupo de galinhas atacando uma cobra que teve a inocente idéia de atravessar pelo meio do galinheiro. Depois procuram as plantas que são mais apetitosas para elas, como carurus, serralhas, trapoerabas, folhas de taioba… só então comem os capins e outras folhas, no final se deixarmos, elas limpam tudo. Temos que ter o cuidado de não deixá-las por muito tempo no mesmo lugar para não ocorrer à compactação do solo. É comum ver o chão totalmente limpo e compactado em torno da casas de sítios, onde as galinhas são criadas soltas o tempo todo. Nestes locais são as hortas que ficam cercadas.

 

Outros exemplos de galinheiro móvel

http://home.centurytel.net/thecitychicken/tractors.html

perguntascomentarios


247 thoughts on “Trator de galinhas

  1. Vocês estão de parabéns pelo trabalho que realizam.
    Não percebi qual o estado e cidade que possuem essa criação de aves.
    Se tiverem a gentileza de me informar qual a linhagem que trabalham, qual a idade de abate que recomendam, qual a distância entre os fios da cerca elétrica usadas na criação muito agradeceria. Trabalho em uma escola e gostaria de passar essa informação aos nossos alunos.
    Obrigado por sua atenção.
    Jair

  2. Caro Jair, obrigado por visitar o site.
    A cidade que moramos é Santo Amaro da Imperatriz-SC.
    Bem, as galinhas que crio aqui no Sitio não tem apenas uma função, isto é não são exclusivamente para abate. Você deve ter percebido que o Curupira não é uma granja comum, nem mesmo um sítio para lazer. Tudo está intrinsecamente interligado, por exemplo, as galinhas que crio (pescoço pelado) além de servirem como alimento após dois ou três anos de troca de favores aqui no sítio, produzem ovos, controlam insetos e pragas, adubam a terra e eliminam as ervas daninhas quando usadas em galinheiros móveis. Atualmente não utilizo mais a cerca elétrica, pois reduzi bastante o número de galinhas.
    Em relação à distância dos fios, pode deixar de 8 a 10 centímetro, 4 fios resolvem. Veja bem, mesmo com cerca elétrica, sempre vai haver uma tentativa de fuga, elas levam choque, mas sempre uma acaba passando. Geralmente faço um gostoso ensopado com esta mais espertinha. A grande vantagem da cerca elétrica é a possibilidade de criar piquetes móveis, que podem variar de lugares descampados a pomares de frutas. Nunca deixe as galinhas muito tempo num mesmo lugar, pois elas compactam o solo e aumenta as tentativas de fuga, pois o alimento natural (gramíneas, frutas que caem no chão) acaba desaparecendo. Deixe passar uns bons meses antes que voltem para o mesmo local. E logo que elas saírem plante leguminosas (adubação verde), confrei, taioba, amendoim forrageiro, ervilhaca, nabo forrageiro que servirão de alimento para elas quando voltarem.
    Espero ter ajudado, Gardel Silveira

    • Parabéns !!! me mudei a um tempo para um sitio e tenho preparado o local para no próximo ano não trabalhar mais fora… tenho procurado seguir as ideias da permacultura… fiz esse mesmo sistema de piquete com cerca eletrica com porcos e tive um excelente resultado… viram a terra e adubam!!! também construí galinheiros moveis… agora vou tentar com as galinhas!!! abraço!

  3. oi tudo bem me dizz uma coisa essa cerca eltrica e a mesma usada pra segurança residencial ou e uma cerca propria pra galinha pois quero fazer uma criaçao de galinha sabe mas querocerca uma area de 50 metros se posso cerca com essa cerca eltrica mesmo que tem no mercado mesmo

  4. Caro Elesey, tudo bem?
    O eletrificador de cerca usado nas minhas galinhas não é o mesmo usado na segurança residencial. O que utilizo é o mesmo eletrificador utilizado para gado, porcos, cavalos, cabras e galinhas que pode ser encontrado em qualquer agropecuária.
    Espero ter ajudado, Gardel Silveira.
    Um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo!

  5. parabens pelo belo trabalho, tudo natural sem agredir a natureza é isso que mais importa, com relação as galinhas já vou adotar esse metodo que parece ser muito legal, um abraço.

  6. Nossa adorei ler este texto, pois alem de não prejudicar a natureza, que na verdade ira ajudar a adubar a terra e matar a pestes, a galinha vai fikar feliz ne, e parece ser um metodo bem barato, é como c fosse um viveiro e uma casinha d cachorro p pintinhos, adorei

    • O galo da minha mãe também está com os olhos inchados, ela não sabe o que fazer!
      se vc obteve resposta quanto a sua pergunta ao site curupira em 19 de março de 2009, por favor compartlhe-a comigo, posto que estou com pena do galo.
      obrigada por tudo

      • Andreza, apesar da sua pergunta ter sido feita em 11 de setembro de 2010, Eu estou lendo pela primeira vez. para o Galo que sua mãe cria ele pode estar com dois sintomas, a primeira com uma conjutivite muito forte,a segunda pode ser uma coriza, também conhecida como Pasteurelose Aviária, é um germe, apresenta sintomas de febre intensa, respiração ofegante, sonolência e diarréia, havendo também a eliminação de secreção com mau cheiro pelas fossas nasais, perda de peso, articulações inchadas e enrigecida, catarro na garganta, apatia. Allgumas vezes apresentam inchaço junto aos olhos e cianose de cristas e barbelas. As aves sãs devem ser afastadas do local contaminado por 40 dias (quarentena) o isolamento das aves doentes é importante, o tratamento é feito com antibiótico específicos e todas as instalações dever ser devidamente desinfetadas, utilizar o lança chamas em toda estrutura dos galinheiros, seria interesante espalhar cal virgem no ambiente e desocupar por no minimo 30 dias. O frio e a umidade, vento, manejo incorreto, àgua contaminada com fezes e alimentos mofados são fontes de contamaninação. Espero ter ajudado com essas informações atenciosamente (criadourovarzante.webnode.com), fasf.fernando.ibest.com.br

  7. Gostei bastante desta página e da outra sobre horticultura orgânica.
    Está faltando anos para a minha aposentadoria, sou agrônomo e pretendo passar o resto da minha vida no meu sítio cuidando de permacultura. além de profissional da área, trabalho com irrigação, mecanização agrícola, geo-referenciamente e desenhos em AutoCad. Também já fiz muitas experiências com geradores de gasogênios e veicular. Rodeio mais de 10.000 km em uma caminoneta totalmente movida a carvão. Atualmente estou procurando engarrafar o gás gerado pelo gasogênio e usar no meu carro que é movido a GNV.
    Caso interesse maiores informações sobre o assunto gasogênio, mande um email (franciscojose.rosa@yahoo.com.br) que te enviarei informações mais detalhadas.
    Abraços e parabens pelo excelente trabalho de vocês
    Francisco José Rosa

  8. Achei o site fantástico. Pus agora um galinheiro pequeno na minha terra e acho que elas ficam apertadas pode dar uma sugestão de como fazer um galinheiro. Obrigado. Se puder mande resposta para o meu mail.

    • Olá Mariano e Emanuel.
      Em relação à quantidade de galinhas por m2 irá variar muito pela disponibilidade de alimento no local, pois quanto mais alimento (gramíneas, sementes, restos de hortas e pomar) tiver menos elas vão se preocupar com a superpopulação da gaiola. Sugiro de 3 a 4 galinhas por m2, mas lembre-se, isso não é uma regra, pois quem vai dizer a quantidade de galinhas serão vocês através da observação. No inverno elas gostam de ficar juntas para se aquecerem do frio e no verão galinha demais só aumenta o calor. Lembrem-se, galinhas gostam de ciscar, beber água fresca, tomar banho de sol e de terra. Se vocês vão criá-las só com restos de cozinha, horta e um pouco de milho, lembre-se que elas precisam de uma fonte de cálcio para formar a casca do ovo. Já existe disponível no mercado pó de ostra, é super barato e faz uma diferença muito grande na rigidez dos ovos. Para construção das gaiolas façam do jeito que acharem melhor, sejam criativos, me surpreendam… mas lembrem-se que a estrutura deve ser leve para poder transportar de um lugar para o outro. Aqui no Curupira usei tela de galinheiro com lona plástica na cobertura. É só ir dobrando até que fique no formato que vocês quiserem.
      Espero ter ajudado, Gardel Silveira.

  9. Estou iniciando uma criação de galinhas, notei que algumas estão com uma aparência de doentes e lacrimejando os olhos ,algumas chegam a ficar com os olhos inchados ,o que devo fazer ?

  10. Boa tarde, meu nome é Álvaro sou Zootecnista e faço mestrado em Agroecologia na UFMG – Montes Claros e meu projeto de pesquisas é com o trator de galinhas, utilisando aviários móveis, consorciado a horticultura. Nosso experimento já está em andamento e gostaria que me mandassem qualquer tipo de informações que podessem me ajudar com nossa pesquisa.
    Muito obrigado pela atenção e um abraço a todos.
    Álvaro

    • Todas as informações que disponho já foram publicadas na página, tanto no conteúdo como nos comentários, mas se tiver alguma novidade com certeza publicarei na página.

    • Olá!!!

      Eu estou entereçado em usar o sistema de pastagem rotacionadas para galinhas, será que dá para reduiz o usa de milho ou eliminalo?
      Tem algumas alternativas para criar a baixo custo, mesmo que demore para o abate?

      Estou aprofundando em criar minhocas, larvas de moscas, plantar leguminosas, forrageiras, aboboras, mandiocas, e mais.

      Ficarei agradecido.

      • Olá Henrique,
        Não tenho conhecimento para substituir a ração tradicional para alimentar aves para abate em criação intensiva e comercial. Apenas sugerimos complementos alimentares (resto de hortas e cozinha, insetos, frutas) para uma criação de subsistência. Sugiro que consulte um agrônomo ou nutricionista animal para obter uma resposta mais precisa, pois o tempo de engorda e investimento na criação são fundamentais para conseguir lucrar neste segmento.
        Deixarei sua questão na página caso aparece alguém que possa sugerir uma resposta.

  11. Adoro o site de vcs. Tenho usado muito para pesquisa para atividades no meu sítio. Tenho uma dúvida: quanto tempo aproximado o galinheiro móvel deve ficar em casa área?
    Muito obrigada!!

    • Cara Priya, o tempo de permanecia do galinheiro móvel no canteiro ou terreno você é que irá me dizer, pois como quase tudo na Permacultura é pura observação. Quando perceber que o capim, mato ou ervas daninhas já estiverem limpos é hora de mudar de local. Lembre-se que as galinhas costumam compactar o solo se ficarem muito tempo no mesmo local, daí então terá que fazer uma capina para afofar a terra e misturar o esterco, pois ele costuma ficar na superfície. Quando fizer a capina aproveite para colocar um pouco de calcário, fosfato natural (pó de rocha) – estes minerais você acha em agropecuárias – e um pouco de cinza. Isto não é regra, mas sim uma sugestão. Para saber a quantidade de cada mineral consulte um agrônomo com conhecimento em agricultura orgânica.

    • Olá Flávio.
      Para a altura da cerca e espaçamento entre os fios, na realidade não existe uma regra específica, como quase tudo na permacultura, pois o tamanho que sugeri foi o resultado de várias experiências e muita observação. Cortar uma das assas ajuda, pois a galinha perde o equilíbrio ao pular e acaba levando um choque para aprender a lição. Como já disse nos comentários anteriores, sempre haverá uma galinha mais fujona que geralmente dá um bom ensopado.

  12. Quero saber é como fazem antes do ensopado. Como abatem? Aqui seguram patas e asas e dão um corte no pescoço com a vasilha embaixo para aparar o sangue. Há método melhor?

  13. Olá, estou encantada com o projeto de vocês. Parabéns!!! Moro em um sítio, já criei galinhas-fiz um cercado com bambu – modelo entrelaçado que vi no Ribeirão da Ilha-não precisa amarração. Atualmente estou sem. Mas quero cnstruir um galinheiro e criar galinhas felizes e suas idéias estão me fazendo repensar a forma de construção. Achei muito interessante – sempre tive um preconceito com cerca elétrica – mas agora….Eu não entendi bem, é só colocar os fios – é arame farpado??? não precisa de tela embaixo?? Posso conscorciar a tela embaixo – tipo 60 cms, e na parte posterior colocar cerca eletrica? ou ela precisa do contato com a terra para receber o choque? Um abraço

    • Olá Silvia tudo bem?
      Primeiramente gostaria de esclarecer que o sistema de criação de galinhas com cerca elétrica é exclusivamente para piquetes móveis, isto é, não pode haver confinamento. Pois as galinhas, em pouco tempo comem todo o verde da área dentro da cerca, e a médio prazo compactam o solo impedindo o crescimento de gramíneas e dificultando a infiltração da água da chuva. E neste caso, dentro destas condições, elas ficam muito estressadas e fazem de tudo para fugir, (pular) para fora da cerca elétrica em busca de ervas frescas e insetos. Pela minha experiência, posso garantir para você que o que irá manter as galinhas dentro do cercado será 50% da presença da cerca elétrica e os outros 50% será a disponibilidade de alimentos que elas terão para comer e ciscar dentro do piquete. Oferecer ração ou milho não adianta, pois elas precisam bem mais que isso para ficarem felizes e satisfeitas no local. É por essa razão que você terá que mudá-las freqüentemente. E a cada mudança plante gramíneas, leguminosas, confrei, taiobas… no local do piquete, pois quando elas voltarem já terão uma diversidade de alimentos para o consumo e você vai economizar bastante na ração ou milho. E o tempo que elas irão ficar em cada piquete só você poderá responder, pois a disponibilidade de alimento, plantas nativas, fruteiras, forrageiras variam de criador para criador.
      Se você vai confiná-las sugiro uma cerca tradicional de tela ou bambu. E mesmo que você queira fazer uma cerca de tela com 60 cm e mais alguns fios elétricos na parte de cima não vai adiantar, pois para elas levarem choque suas patas tem que estar junto ao solo para fazer o “terra” e descarregar a energia, e assim levarem o pequeno choque.
      O fio que costumo usar é simples, fino e liso, mas galvanizado para evitar a ferrugem. Para instalação deste sistema você terá que ter alguma noção de eletricidade. Procure visitar alguém que já use este sistema mesmo que seja para cavalo ou gado, pois o fio e o aparelho é o mesmo, o que varia é a altura do solo e o espaçamento dos fios que já mencionei na página. Leia também as dúvidas e os comentários no final da página, pois poderá esclarecer muitas dúvidas.
      Espero ter ajudado, Gardel Silveira

  14. O “Marvado” essa foi d + !

    Estudo sobre cultivo de cogumelos para minha pequena propriedade. Eu que sou de Tijucas do Sul/PR, Tijucas de SC fica bem perto para entrar em contato com a produtora de lá.

    Obrigado

    Sergio Felipe

  15. Olá, parabéns pelo trabalho.
    Gostaria que se possível receber uma orientação. Tenho um quintal 300 mts², coloquei 5 frangos e um galo, todos caipira. Este quintal tem muita plantas rasteira, pequenos matos, porém já estão aqui há 2 dias e não se alimentam. O milho que coloquei e espalhei no chão também não comem. Ficam todas juntas num canto do quintal. O que o Sr. me aconselha? Será que já estão doentes? Estarei aguardando uma resposta.
    Abraço e mais uma vez parabéns.

    Luiz Gonzaga

    • Olá Luiz, tudo bem?
      Bem, em relação o comportamento de suas galinhas fica muito difícil fazer um diagnóstico apenas com estes relatos, pois as variáveis que podem desencadear este comportamento são muitas. Por exemplo, ao ficar encolhidas num canto é um sinal de medo e falta de um local para refúgio (galinheiro coberto). Isso também irá depender da idade que elas foram colocadas no seu quintal e como elas foram criadas anteriormente. Elas também podem ter ficado com algum tipo de trauma antes de irem para ai, algum cachorro, gambá, ave de rapina ou gato pode ter atacado elas ou ao menos assustado. Ou podem estar com medo de algum animal que rodeia seu quintal… e assim por diante. Também pode ser alguma doença, pois você comenta que elas não se alimentam. Um estágio mais avançado de vermes podem desencadear este comportamento, pois elas podem ficar sem apetite e fraqueza nas pernas, neste caso seria conveniente consultar um veterinário. Em alguns casos quando há um número muito pequeno de fêmeas, os galos podem estressar demais as galinhas, até mesmo machucá-las, ai então elas podem assumir este comportamento arredio.
      Espero ter ajudado, Gardel.

  16. ESTOU NO MEIO DE UM PROJETO EM QUE PRETENDO CRIAR 300 GALINHAS CAIPIRAS PARA A PRODUÇÃO DE OVOS. PARA A CONSTRUÇÃO DO GALPÃO E DA PASTAGEM ADQUIRI UM TERRENO DE 40m X 50m.VOU COMEÇAR A CRIAÇÃO COM 100 PINTOS DE UM DIA. E A CADA 4 MESES INTRODUZIREI NO PLANTEL 100 NOVOS PINTOS DE UM DIA. ESTOU ESTUDANDO A POSSIBILIDADE DE ADOTAR UMA ALIMENTAÇÃO ALTERNATIVA DE MANDIOCA MANSA (MACAXEIRA). PERGUNTO: O QUE VOCE SUGERE COMO OUTRA FONTE DE ALIMENTO. MORO NA AMAZÔNIA (BELÉM/PA).

    • Olá Ronildo tudo bem?
      Como você já deve ter lido no site do Curupira, não propomos ou sugerimos nenhum cultivo extensivo ou criação comercial. Todas as dicas que temos são para criações e cultivo de subsistência e troca ou venda de excedentes. Também fica difícil sugerir uma alimentação natural para um plantel tão grande quanto o seu, ainda mais com clima e vegetação tão diferente do nosso aqui do sul.
      Vou deixar sua questão postada no site e quem sabe algum permacultor ou criador de galinhas orgânicas possa ler e responder suas questões.
      Um abraço, Gardel Silveira.

    • Ronildo Florencio só hoje, dia 25-11-2012 é que estou lendo sua pergunta. Estou encantado com a organização e as informações prestadas as pessoas que procuram o site do Sítio Curupira. Eles estão de parabéns pelo trabalho que vem executando, dando informações precisas e bem fundamentadas. Você tem um projeto para criação de 300 galinhas. Seria interessante procurar a Embrapa, pois vão te orientar nesse projeto. Espero ter contribuído com essa informação. Atenciosamente, criadourovarzante.webnode.com (fasf.fernando@ibest.com.br)

  17. Olá… Amigos moro em Brasil Novo PA. Quero implantar uma criação de galinha caipira no meu sítio e gostaria de usar o sistema de cerca elétrica para conter as minhas galinhas em horários determinados do dia apenas para evitar que sejam atacadas por gaviões. Quero saber se é necessário que haja bastante gramíneas para alimenta-las, ja que elas passam grande parte do dia em liberdade total? Será se elas se contem dentro da cerca se o tempo que ficarem lá dentro for de 2 a 3 horas alternadas por dia?

  18. Olá
    Nós temos um galinheiro no sítio que moramos e ganhamos umas galinhas de acabaram vindo com piolho de galinha. Quando nos demos conta ela já estavam no ambiente externo, no galinheiro, no galpão e numa das casas do sítio, mas próximas ao galinheiro. Estamos usando um maçarico no galinheiro para tentar exterminá-los, mas não sabemos como agir no galpão e na casa (são de madeira). Vocês já passaram por isso ou já ouviram falar a respeito? Se sim, têm alguma dica de como podemos proceder?
    Agradeço desde já
    Grande abraço!

    • Eu uso folha de bambu seca para os ninhos pois o mesmo tem uma pequena quantidade de arsenico e mata os piolhos
      folhas de fumo no ninho tb resolvem o problema dos piolhos
      Se conhece a erva de santa maria use a pois sao excelentes para matar piolho

  19. Tenho três galinhas poedeiras. Começaram a botar em setembro e não pararam. Não tem galo e outro dia vi duas delas cruzando.Isso é sinal de estresse, ou realmente é preciso por um galo junto?
    Grata…

    • Olá Ozaira tudo bem?
      Este comportamento é muito comum entre as galinhas, principalmente quando não há galo no galinheiro. O que me parece é que a galinha (líder alfa, geralmente a mais forte) assume o comportamento do galo entre as outras e até mesmo pratica a cobertura (subir sobre a galinha para simular a cópula). A atitude de cobrir não serve apenas para a fecundação, mas também para afirmar quem é a líder entre as galinhas e quem são as submissas. Aqui no Curupira percebemos um outro comportamento muito curioso: o cacarejar de um galo, muito desafinado, por parte da líder alfa do galinheiro logo pela manhã. Isso tudo parece bizarro, mas na minha visão empírica é apenas a natureza tentando encontrar um jeito para não entrar em extinção.

    • Ozaiara Souza, esse comportamento é normal. Muitas vezes as galinhas como o galo brigam pelo seu espaço para se tornarem lider. Como você diz que tem 3 galinhas e não dispõe de galo é normal que uma delas por ser lider esteja fazendo o papel do galo. Gostaria de lembrá-la que os animais quando estão do cio eles fazem isso. Sugero também que coloque um galo. Além delas continuarem pondo, também darão pintinhos e consequentemente aumentarão sua produção. Atenciosamente, criadourovarzante.webnode.com ( fasf.fernando@ibest.com.br)

  20. Como poderia ter um galinheiro, se só poderei cuidar aos fins de semana, ou poderia pedir que meu vizinho só desse alimento, e eu limpasse todo fim de semana?
    Aguardo!

    • Sr. Bernardo,
      Já tentei isso; assim que a vizinhança percebe os seus costumes de ausência, a criação começa a desaparecer. Tem que sempre ter alguém junto a criação. Sugiro ter sempre visitantes em seu sitio, indiretamente eles tomam conta da criação pela presença deles.

  21. Parabéns pelo seu site lindo e suas lindas idéias, ecológicamente corretas. Estava procurando informações para tentar salvar um limoeiro da minha chácara, e cheguei até este site e parei nele. Li quase tudo. Muitas informações boas que serviram para me orientar quanto a não agredir o meio ambiente. Fiquei impressionada com o número de comentários envolvendo as galinhas, ótima iniciativa, mas o site tem muito mais. Parabéns a todos os envolvidos.

  22. Quero diminuir o consumo de milho e ração para quase zero, dentro do sistema rotacionado tem como fazer isto? Farei piquetes grandes e chocarei 120 ovos por mes.

  23. Atraves de seu site e pesquisas acabei construindo um galinheiro movel com telas para poucas galinhas (3mtsx1,50mts) . Ocorre que resolvi colocar galinha de angola e pelo que li na net elas tem mais prefrencias a insetos .As galinhas tradicionais eliminariam as ervas mais rapidamente ou se alimentaria de maior variedade ?
    Penso em pedir “emprestado” algumas do vizinho rsrsrs.
    Outro detalhe é que em alguns periodos deixo soltas e com tres caes mas observo que o instinto de caça dos animais é bem forte . Elas devem ter um cheiro apetitoso pois quando viram pela primeira vez lambiam os beiços e salivavam bastante .Pior que elas vivem atras deles .Onde existe a convivencia pacifica seria de os caes nascerem e ja existerem os animais e
    o que for introduzido depois se tornaria problema?
    Sei que a pergunta sobre os caes nada a ver apenas de repente tenha ja passado pela experiencia .
    Sergio

    • Olá Sérgio, tudo bem?
      A galinha de angola, como já sugere no nome (Angola-África), é uma das poucas aves que ainda encontramos soltas na natureza selvagem. E como todo animal que mantém seus laços genéticos de sobrevivência em lugares inóspitos, ainda comporta-se como uma ave onívora com tendência maior a captura de insetos e outros vertebrados. É muito mais facial encontrar lagartos, escorpiões e outros insetos em terrenos áridos do que folhas tenras de gramíneas ou outras folhosas palatáveis. As galinhas que criamos atualmente, mesmo as caipiras, já perderam esta herança de sobrevivência. Elas naturalmente comem insetos, pequenos vertebrados e até mesmo cobras, pois já presenciei este fato, mas acostumaram a receber o alimento pronto (ração, milho) direto da mão do homem. E quando recebem outro alimento, geralmente é resto da cozinhas ou excedente de horta.
      Em relação aos cães é mais conveniente criar as galinhas e os cães em territórios separados, pois os cães, além do seu instinto de caça, são muito territoriais. E mesmo que ele não esteja com fone, o cachorro poderá atacar as galhinhas apenas por invadirem seu território. Uma cerca elétrica é um ótimo limitante, pois é barato e prático para afastar os cães das galinhas soltas. Depois que um cachorro recebe um choque desta cerca nunca mais ele se aproxima do fio, mesmo que ele esteja desligado. Falo isso por experiência própria.
      Espero ter ajudado,
      Gardel

  24. Gostei do trabalho de vocês.
    Essa troca de experiênciasque é feita aqui é muito legal. Acrescentou bastante na minha buscava, que é justamente a criação de aves caipiras em piquetes rotacinados e utilizando cerca elétrica.

  25. ola moro em um assentamento rural na cidade de araras sp e saõ exatamente 6ha e nessecito de um formula desta entaço achei muito interesante,pois aq e um local que mora muita gente podemos fazer um mutiraço.obrigada

  26. Boa tarde! Parabéns pelo site. Para dar como alimento para galinhas, como deve ser o corte dos talos das bananeiras?

    • Corte o tronco (mais ou menos 50 cm de comprimento) ao meio, formando 2 cilindros seccionados ao meio. Deixe a parte reta ou do miolo para cima.
      As galinhas comem somente a parte interna, pois é mais tenra.
      Att. gardel

    • Rodrigo Siqueira, A bananeira, é excelente para combater as vermes das aves. o limão e acerola tem muito ácido cítrico e são bons para combater a coriza: o pó de café tem cafeína que é energético, a pimenta e jerimum, fazem a gema do ovo ficar vermelho. Essas são algumas dicas. Espero ter contribuído também com essas informações. Atenciosamente, criadourovarzante.webnode.com (fasf.fernando@ibest.com.br)

  27. Olá,

    Estou procurando uma forma de conter as galinhas de meu vizinho que invadem meu pasto e quintal e detonam tudo. Vi sua cerca elétrica. Será que ela me pode me ajudar a dar um jeito de espantar as galinhas? O que você me diz.
    Obrigada

    • A cerca elétrica funciona para manter as galinhas dentro de um piquete, nunca tentei isolar uma área para evitar a entrada delas.

    • Você esta dando mole, a comida esta viondo no seu quintal e você deixando ela ir embora. Pega as galinhas do seu vizinho e faz um ensopado com quiabo e batata ou galinha assada regada ao vinho.

  28. OLÁ!
    SERÁ QUE VC SABERIA ME RESPONDER PORQUE MINHAS GALINHAS CAIPIRAS QUE SÃO CRIADAS SOLTAS A PASTO E MILHO,INSISTEM EM COMER TERRA?
    OBRIGADA AGUARDO RESPOSTA.
    AH!!!
    PARABÉS PELO SEU CRIATÓRIO!!!

    • As galinhas criadas soltas necessitam comer terra (argila, pequenas pedras e outros minerais), pois ajudam a moela a triturar os alimentos, inclusive o próprio milho.

  29. Olá,

    Vi o site de vcs e gostei muito. Gostaria de saber que tamanho de área pode sere usada a cerca elétrica? e qual a guantidade ideal de galinha para cada área?

    Abraço
    Edinaldo
    Salvador-Ba

    • Olá Edinaldo
      Leia a resposta do comentário número 12 desta mesma página.
      Sugiro que leia os outros comentários desta página, pois irá esclarecer muitas dúvidas.
      Att. Gardel

  30. olá, salvei um galo e quatro galinha da morte, elas iam pra panela, leveias pra casa e construi um galinheiro, durante o dia fica solta no quintal. só que das quatro galinhas duas viraram galos, agora fiquei com tres galos e duas galinhas, não sei o que fazer. ( as galinha não estão dando conta, estão careca) tem alguma solução, ou sugestão? por favor obrigado.

    • Olá Vera, desculpe a demora na resposta.
      Realmente você tem um grande problema, pois a proporção “ideal” seria de 1 galo para 8 a 10 galinhas. Isso não é regra, pois o tamanho do cercado bem como a espécie de galinha, disponibilidade de alimento… influenciam diretamente nesta proporção. No seu caso 3 galos X 2 galinhas é um “galinocídio”. Além de estressar e machucar as galinhas na hora da cobertura, os machos irão brigar entre si para disputar o comando do galinheiro. Sugiro que tente criar estes galos separados das galinhas, ou faça um bom ensopado com eles.
      O galo tem muitas funções dentro de um galinheiro, além de cobrir as galinhas. Um delas e proteger as galinhas e os pintinhos de predadores como gambá, gaviões, serpentes e até mesmo humanos. As galinhas, quando na proporção correta, ficam mais tranqüilas sabendo que há um líder macho para protegê-las. E quando vivem tranqüilas fornecem ovos e carne de boa qualidade. O galo pode se tornar bem agressivo quando adulto e até mesmo impedir que os humanos entrem no galinheiro para fazer a manutenção ou colher os ovos. Se você não tiver um harém de 8 a 10 galinhas não é saudável ter um galo com elas.
      Att. Gardel Silveira

  31. Parabéns pelo site. Com ele me despertou muitas idéias a respeito.
    Pesquisei na internet sobre animais inimigos de formiga cortadeira e descobri esta maravilha de idéia de controle ambiental. Tenho um pomar com vários pés de frutas como: mexerica, laranja, limão, manga, abacate, banana e outros, que estão constantemente sendo atacados por formigas cortadeiras. Tenho intenção de criar galinhas poedeiras soltas para este controle, bem como para controle de ervas daninhas. Gostaria de saber de vocês qual a galinha ideal para este trabalho, e, se eu posso criar galinhas de várias raças juntas no mesmo lugar e se estas galinhas atacam estes pés de frutas. Agradeço aatençao e aguardo ajuda de vocês. Obrigado.

    • Olá Denice.
      As galinhas são ótimos animais para controlar os insetos indesejáveis em um pomar, inclusive na fase larval. Cada raça de galinha tem uma particularidade, inclusive suas cores. Cores mais escuras são sugeridas para climas mais temperados, pois elas “aquecem” mais com a insolação direta. Onde o clima é mais tropical costuma-se criar galinhas com cores mais claras, para não sofrerem com a alta temperatura. Mas isso são apenas sugestões que não implicam na produção de ovos ou carne, apenas no bem estar das galinhas. Se você quiser ovos em abundancia, sugiro a raça da “galinha poedeira” ou “galinha de postura”, elas são eficientes para postura, mas tem pouca carne para panela. As “galinhas pescoço pelado” também são boas poedeiras e são ótimas para a panela, pois pegam peso muito rápido. Outra raça, também muito usada para postura e abate e a “galinha caipira”, que além de serem boas para postura e abate são mais rústicas e pouco suscetíveis a doenças. Cada raça tem sua vantagem e sua deficiência, de uma pesquisada na internet e veja qual raça teria o perfil para seu tipo de terra, clima e alimento disponível.
      Nunca deixe o plantel por muito tempo no pomar, pois além de compactarem o solo elas podem atacar as folhas das frutíferas quando as mudas são pequenas. Sugiro que solte-as no final da tarde, pois quando anoitece elas voltam para o galinheiro para dormir e ficar encerradas até o final da tarde do dia seguinte.
      Espero ter ajudado, Gardel.

  32. Parabéns pelo trabalho de informação,meu amigo não sei o que faço para que meu galo china pare de dar porrada numa única galinha,a ponto de guase matalá.pois as outras 5 ele só manda ver.Não sei se foi porque elas foram criadas junto com um galo preto que só pagava esta citada,ai eu comi ele e dai em diante eu todo dia tenho que separalo dele de madrugada para ele não matar ele.Oque fasso mando ela para panela ou ele.

    • Olá André.
      O comportamento das galinhas criadas soltas ou em galinheiros móveis ou fixos ainda é um mistério até mesmo para zootécnicos ou biólogos de nossa geração, pois seus estudos, quando são feitos, baseiam-se na criação comercial, onde estes animais são criados em cubículos que mal conseguem se mexer e vivem só 44 dias até o dia do abate. Nestas condições fica difícil aprender alguma coisa sobre o comportamento destes animais.
      Na minha pouca experiência em criar galinhas em piquetes com cerca elétrica ou mesmo em galinheiro móvel foi cheio de surpresas e a cada dia aprendia alguma coisa sobre o comportamento destes animais.
      É muito comum os galos serem possessivos e muita vezes malvados, por esta razão é sempre aconselhável ter um bom número de galinhas (harém) para ele ficar “entretido”. Por outro lado algumas galinhas, principalmente quando são criadas sem a presença de um galo, mesmo quando este galo é criado num galinheiro próximo, assumirem uma postura de liderança para suprir a ausência de um macho no galinheiro. Estas galinhas além de serem mais agressivas com as outras galinhas, podem até mesmo cobri-las como o galo faria, mas não com o objetivo de fecundá-las, mas sim demonstrar quem manda no galinheiro. Este comportamento pode chegar a extremos, como por exemplo, esta “galinha líder” pode até mesmo disputar a liderança com outro galo que foi introduzido após a afirmação desta liderança. Este comportamento de agressão ao “novato(a)” no galinheiro pode ocorrer pela simples separação do plantel. Por exemplo, quando criava as galinhas em galinheiros móveis aqui no Curupira, e resolvia separar as galinhas em dois grupos para limpar os canteiros, e no dia seguinte juntá-las novamente, o grupo que recebia as galinhas mantinham um comportamento agressivo até mesmo não deixando as galinhas que retornavam o grupo descerem do poleiro, fazendo com que elas não pudessem se alimentar, ciscar ou beber água.
      Outro comportamento muito esquisito de uma “galinha alfa” ou “galinha macho”, chame como quiser, hehehehe… é cantar como um galo logo pela manhã. Este comportamento presenciei muitas vezes desde que decidi não criar mais galos no galinheiro.
      Sobre a decisão de comer o galo ou a galinha encrenqueira deixo para você dar o voto minerva, pois para tomar uma decisão destas teria que observar mais o comportamento delas, pois a agressão destes animais pode também estar relacionada à alimentação, tamanho do local de criação, manejo do plantel, raça, e assim por diante.
      Att Gardel.

  33. gostei muito desse site abri pela primera vez e fico fregues.estou começando um pltantio de maracujá e já pensei na ajuda das galinhas não tenho certeza se elas traz beneficios ao maracujá obrigado gutemberg

  34. Excelente sua materia, gostaria de saber a causa e como combater o canibalismoentre as galinhas? Elas começam a comer as outras pela cloaca, puxam as tripas até matá-las. Responda-me por gentileza
    Grata,
    Rosana

      • Ola sou Japurá-Pr ja tive esse problema com as galinhas apos fechar no galinheiro por um periodo 60 dias. e resolvi dando uma raçao balanceado. com farinha de osso, calcio , sal ,cinza de madeira, e ainda todo dia despejava um balde de externo suino que deixava num canto externo para juntar aquelas larvas, que elas tem bastante proteina. dentro de poucos dias parou de comer penas umas das outras e canibalismo assasino. Quando pegava uma galinha ou galo bicavam ate a morte por dilaceraçoes.
        Apos tratar soltei elas e nunca mais tive problemas. foi de fato a fata de nutrientes alimentares.

    • O canibalismo entre as aves é simplemente falta de cálcio, você deve adicionar na ração pó de ostra, ou casca de ovos triturada no liquidificador, pendure bastante capim verde, para que elas comecem a comer, outra coisa muito interessante é dar para as galinhas batata cozida, tudo isso vai ajuda-la a combater esse problema e elas vão começar o empenamento em breve. Espero ter contribuido também atenciosamente (criadourovarzante.webnode.com)

  35. fico feliz por encontrar pessoas como você; parabens, continue assim, transparente e fiel aos seus principios. vou tentar construir um galinheiro móvel e um canteiro bio séptico no meu cantinho; oportunamente retornarei para relatar algumas experiências nos dois casos. agradeço a voce por estas dicas importantes; que DEUS te abençoe. luiz.

  36. Gostaria de saber se cobras tem medo de galinhas, pois estou querende
    criar algumas galinhas, mas minha esposa enxiste em dizer que criar galinha
    atraem cobras. No sitio que temos , apareceu uma jararaca e algumas pessoas leigas afirmaram para ela que vamos ter problemas com obras.

    Atenciosamente
    Wanderley de Almeida

  37. Parabéns pelos conhecimentos de vcs,eu crio frangos no semi-intensivo e tenho dúvida numa coisa é necessário acender as luzes a noite ou deixar apenas algumas horas diurnas nos piquetes e outras diúrnas nos aviários e anoite descansar, será que desta forma que lhes pergunto vou prolongar os dias de abate?
    Obrigado!

    • Olá João.
      Como não tenho experiência em criação intenciva de frangos, não disponho destas informações. Sugiro que consulte um técnico em agronomia ou algum criador experiente.
      Gostaria de exclarecer aos internautas que nada do que criamos ou cultivamos é em escala comercial, mas sim para a subsistência de uma pequena família.

  38. Boa tarde.

    Gostaria de saber quais as gramíneas e frutas mais apreciadas pelas galinhas, estou iniciando uma criação semi intensiva e preciso preparar a área.

    Elvis

    • Olá Mônica.
      Na realidade cortam-se as pontas das penas de uma das asas das galinhas (esquerda ou direita), assim elas perdem o equilíbrio e acabam desistindo de dar pequenas revoadas. Isso evita as fugas e os galinheiros não precisam ser muito altos. Este procedimento não causa nenhuma dor nas aves.

  39. Boa noite a vc meu amigo do sitio curupira, de um a forte abraço no marvado, gostei muito do seu site, estou construindo um galinheiro em uma pequena chácara que possuo, pois minha galinhas, estão acabando com tudo que eu planto, não tenho tido muita sorte com as penosas, pois rola e vira sempre aparece algum predador, para dar fim as coitadas, gambá, cachorro do vizinho que não é alimentado e vai caçar no meu galinheiro, rola vira tenho, um aborrecimento, mas como prezo a politica da boa vizinhança estou murando tudo e construi um galinheiro de tijolos, mas estou na dúvida se as galinhas maiores não vão matar os pintinhos, pois aproveitando a oportunidade, avise ao Wanderley, que as cobras são atraidas pelos pios dos pintinhos, por isso estou me precavendo em fazer um galinheiro de tijolos e com paredes, aguardo sua sugestão, a respeito de como devo separar as galinhas um abraço e sucesso. Airton de Campos dos Goytacazes -RJ

    • Olá Airton.
      Primeiramente vamos observar um outro ponto de vista. As cobras não são atraídas pelos pios dos pintinhos, sua audição é muito rudimentar, pois não apresentam tímpano nem ouvido externo. As cobras costumam caçar pequenos roedores que perseguem através de seu cheiro/odor deixado pelas pegadas e outras secreções. É comum, quando criamos galinhas confinadas/galinheiro, acumular uma certa quantidade de ração/milho espalhadas pelo pátio/galinheiro, atrativo perfeito para os roedores. E onde há uma concentração de roedores próximo a natureza, sempre haverá cobras para equilibrar o ambiente e não deixar que eles se multipliquem. Podemos concluir que o que atraiu a cobra foi o resto de ração que atraiu os roedores, e por conseqüência atraiu as cobras. O pinto, neste contexto, entra apenas como um bônus na alimentação da cobra.
      Não é comum galinhas adultas maltratarem os pintinhos, mas sim protegê-los. Se isso estiver acontecendo tenho duas alternativas. Uma seria separar os pintinhos por uma tela para evitar o contato direto com a agressora, ou criar ambientes que só os pintinhos conseguem circular (pilha de tijolos, caixinha, galhos com espinhos, etc. A outra seria fazer um ensopado com a galinha encrenqueira.
      Espero ter ajudado.

  40. Caro Jardel, muito obrigado por mais esta aula.
    Mas aproveitando a deixa gostaria de perguntar:
    Eu posso jogar restos de comida para as galinhas como carnes, de vaca e de porco, e até mesmo restos de galinha cozida? Não sei até que ponto esse canibalismo pode prejudicar as aves.
    E quanto aos ossos das galinhas após meu consumo, posso moer e jogar para o cachorro. Existe algum outro fim para esses ossos?
    Muito obrigado.

    • Olá Fabi.
      Para os cachorros pode dar ossos sem problemas, mas para as galinhas não recomendo dar carnes e ossos. Só para lembrar, a doença da “vaca louca” ou BSE – Bovine Spongiform Encephalopathy – (sigla em inglês para encefalopatia bovina espongiforme) surgiu no Reino Unido, em 1986 e se disseminou para outros países da Comunidade Européia , devido à reciclagem, sem controle, de carne, ossos, sangue e vísceras usados na fabricação de ração animal.

  41. AQUI EM CASA CRIAMOS GALINHA EM UM QUINTAL. ELAS VIVEM EM UMA TELA E IREMOS BOTAR UMA COBERTURA PARA OS PINTINHOS QUE FOREM NASCENDO NAO SE MOLHAREM COM A CHUMA E DEIXAREMOS UM CANTOS AO AR LIVRE. AGORA EU TENHO UMA PERGUNTA EU QUERO DICAS PARA FAZER CASINHAS PULEIROS E ETC

    • Caros amigos, não responderei questões relacionadas a doenças de animais domésticos, pois não não tenho competência para isso. Sugiro que procurem veterinários, zootecnistas ou agrônomos formados.
      Att. Gardel

  42. amigo otimo trabalho
    tenho um galinheiro em uma chacara so que agora esta impestiado de ratos o que eu poderia estar fazendo para acabar com ales grato

    • Olá Andrelira, segue a dica para você e a quem possa interessar.
      Prevenção e controle de ratos na propriedade rural ou urbana.

      Prevenir sempre é o melhor caminho.

      A). Preservar a mata nativa: Preservando a mata nativa preservamos o habitat natural de espécies como corujas, gaviões e cobras que se alimentam de roedores.

      B). Repelente para Ratos: Para afastar ratos, colocar galhos de arruda (Ruta graveolens) fresca nos locais onde eles geralmente aparecem. Eles não suportam o cheiro da arruda.

      C). Guarde os alimentos em ambientes fechados: E sempre lave os prato e utensílios de cozinha antes e depois de usá-los. Não deixe restos de alimento no chão.

      D). Mantenha a limpeza em torno da casa: Não deixe acumular entulhos como restos de construção, pneus velhos, pilha de lenhas, telhas ou lixo doméstico.

      E). Tenha um gato em casa: Nem sempre é a melhor solução, pois os gatos são espécies invasoras e podem caçar outras espécies nativas como pássaros, que por sua vez se alimentam de insetos, e quando não há predadores para manter o equilíbrio do crescimento populacional dos insetos eles tornam-se “pragas”. Mas ainda é menos perigoso que colocar veneno.

      F). Utilize ratoeiras tradicionais: São muito eficazes quando usadas corretamente. Ao pegar um rato na armadilha procure lavar a ratoeira e colocá-la em outro lugar e se possível, tente variar a isca. Os ratos são muito espertos e percebem muito bem o significado da urina ou do sangue deixado pela vítima.

      G). Receita de raticida caseiro: Junte 100g de queijo ralado, 100g de cimento, 50g de farinha de mandioca. Misture bem todos os ingredientes. Depois é só colocar em pequenas vasilhas distribuídas nos locais que eles circulam (não deixe ao alcance de crianças e animais domésticos). Deixe junto com cada vasinha um pequeno potinho de água. O rato consome a mistura, sente sede, consome água e a mistura empedra no estômago causando a morte.

      H). Venenos legais vendidos em agropecuárias: Há uma infinidade de venenos oferecidos em agropecuárias ou supermercados. Não deixam de ser perigosos e também podem causar intoxicação ou até mesmo a morte quando ingeridos em boa quantidade. Ao comprá-los verifique a procedência, veja se há procedimentos de emergência em caso de ingestão. Tenha se possível o antídoto em casa ou pelo menos saiba onde encontrá-lo rapidamente. Leia com toda a atenção o método de manuseio. Deixe as iscas em locais onde somente os ratos possam encontrar. Evite usá-los em locais onde crianças ou cachorros possam alcançar. Mas se ainda optar em colocá-los no chão, utilize uma telha tipo telhão para cobri-los. Lave muito bem as mãos após o manuseio. Comunique a todas as pessoas que freqüentam o local e principalmente seus vizinhos. E quando perceber algum rato morto enterre-os rapidamente onde nenhum outro animal possa achá-los.

      LEMBRE-SE QUE PREVENIR SEMPRE SERÁ O CAMINHO MAIS BARATO, FÁCIL E SEGURO.

    • Ola eu resolvi aqui o meu problema no sitio com 2 gatos. comprei de filhote e criei junto com os pintinhos ao lado da casa. Dormia ate junto ao pintainhos e comia milho junto as galinhas e ao começar a crescer nao restou nenhum rato mais. nem para remedio. É um gato angora e um gato cianez comem todo tipo de inseto, aranhas, moscas, largatixas, bruxinhas , tudo que se mexe o bicho come. quase não sobra insetos nem para as galinhas ao lado de casa. Felismente agora nesta epoca começa aqueles besoros preto que aparecem a noite. ai a concorrencia e galinhas e os leitoes quem pega primeiro. Besouros os gatos nao gostam de comer.
      Mas tem outro meio tambem bem facil de controlar ratos sem ter Gatos e nao usar veneno Toxico, vou dar a dica bem util e vc podera fazer ai, Anota ai 100Gr de queijo ralado 100Grfarinha trigo 100GR de cimento Branco faz uma mistura boa e faça bolinhas e deixe onde os ratos possam encontrar a comer vai matar um bom tanto. caso nao termine dou outras sugestoes tem diversas sem usar veneno .

    • Srª. ANDRELIRA, Minha amiga recentemente, houve uma infestação nos galinheiros dos faisões, como os galinheiros são cobertos com tela e em seguida as telhas, eles passaram a morar em toda estrutura, tendo ração por perto e água e sem pagar aluguel, não pensaram duas vezes, usufluir do conforto e alimentação em abundancia. Ai comecou minha vingança, apliquei o lança chamas, e coloquei várias ratoeiras e armadilhas em todas as dependência dos galinheiros e locais frequentados pelos mesmos, estou tendo sucesso, hoje aparece praticamente um de vez em quando. espero ter contribuido com essa informação. atenciosamente (criadourovarzante.webnode.com)

  43. Olá! gostaria de estar montndo uma mine granja de galinha poedeira mas, primeiro preciso ter certeza se averá lucratividade. Vocês sabem onde me conseguir estas informações?Moro em seabra bahia que fica localizada na chapada diamantina.Gostaria de receber mais informações sobre o assunto. Desde já eu agradeço!

    • Olá Lamarque.
      Como você já deve ter observado nos textos e comentários da página, nossa proposta não é comercial, mas exclusivamente para subsistência. Não dispomos de informações que visam a lucratividade ou comercialização de ovos ou galinhas.

  44. olá boa tarde,
    sou joão ricardo vi sua entrevista sobre o trator de galinhas adorei a ideia, quero começar uma criação de galinhas, queria pedir si possivel tem come me passar informaçoes sobre, graminea que devo plantar, controle de pragas, parasitas e piolhos, quantas aves por m2, qual a hora ideal para o abate, agradeço.

    • João Ricardo, vamos por parte, para piolhos nas galinhas adicione enxofre na ração, caso elas estejam colocando ovos, coloque nos ninhos bolfo, naftalinha, folha de bambu, mastruz, tudo isso faz com que as aves não fiquem com piolhos., quanto a metragem seria 5 galinhas por metro quadrado., a hora ideal para o abate qual o tipo de aves que voce pretende criar, isso é muito relativo, se for para abate de frango é em torno de 45 dias, chegando a pesar 2 a 2,5 kilos. espero ter contribuido com essa informação apesar da sua apergunta ter sido feita em -6 de outubro de 2011, pelo menos vai servir para outras pessoas também que estejam querendo ingressar nessa atividade, eu por exemplo sou criador do raça Indio gigante, meus galos chegam a medir 1,10 cm , as galinhas em torno de 85 cm, pesando os galos em torno de 6 a 7 kios e as femeas em torno de 4,a 4,5 kilos em media. atenciosamente (criadourovarzante.webnode.com) fasf.fernando@ibest.com.br

  45. Olá amigos do site, tô adorando passar aqui e acho muito bacana todo esse cuidado com esses bichinhos tão especiais para a natureza e para o homem. Eu tenho uma pequenina criação de garnizés apenas ornamental e “pet” hehe! elas são a alegria do quintal! estou procurando informações sobre a alimentação delas, eu dou quirera,milho e misturinha de farinha de milho e rosca e complementos do aviário.
    Elas tbm ciscam e comem frutas aqui da região,é normal comerem terra e pedrinhas? è que uma delas tá fazendo isso e eu achei estranho,pode ser vermes?
    Obrigada pela atenção.
    Sucesso!
    Bjuxxx

    **didi**

    • Olá Adriana.
      Também tenho uma pequena criação de garnisés, 12 no total. A razão pela qual elas comem pedrinhas é para facilitar a moagem das sementes na moela. As galinhas não têm dentes por isso precisam de um “picador” interno para facilitar a digestão. A função da terra é complementar sua dieta com minerais encontrados no solo como fósforo, magnésio, cálcio e outros. De tempos em tempos elas gostam de tomar banho de terra ou areia. Este banho serve para retirar parasitas de suas penas. É interessante ter dentro do galinheiro uma caixa de areia para esta função.

  46. Super bacana sua dica da areia, eu nem imaginava deixar uma caixinha assim. Tenho um galo adulto e 5 galinhas,além de uma turminha de pintinhos com 10 dias /20 e 40 dias respectivamente. Separado tenho um casal que foi vítima de boulba no início do ano(devido ao clima aqui de ctba super instável eles ficaram muito vulneráveis)mas estão bem,tive que sofrer umas perdas até aprender sobre essa doença que se não fosse a tuya conjuntamente com chá de camomila e muito carinho eles teriam morrido assim como seus irmãos que não consegui salvar,foi tão triste. Mas como vcs disseram em outras respostas,tem coisas que se descobre através da observação contínua.Eu vejo pela personalidade de cada uma , e elas fazem coisas muito incríveis e imprevisíveis que eu adoro: uma galinha que canta tipo machinho a popó é um barato, outra que é mais dócil a pretinha e gosta de um colinho, e tem as ariscas e tudo mais,o meu galinho o pituco sempre me responde quando eu falo com ele ,com uns sons super engraçados. Os novos pintinhos que já tem nome: pituquinhos,mituquinhos e mini mitucos já estão esboçando sua personalidade garnizé e as vezes mesmo com apenas 9 dias ficam fazendo ceninhas de briga…pode isso? hehehe! Eu adoro essas criaturinhas, agradeço demais a atenção e vou estar sempre por aqui pra aprender dicas de vcs!
    Obrigada amigos.
    Fiquem com Deus

    **didi**

  47. Eu crio galos e galinhas caipiras gosto muito de crialas no meu quintal alem das raças caipiras tenho uma franga gigante negro
    Se alguem ver esse comentario pegua o meu msn e me dar mais sugestoes !

    • Murylo. Você pode colocar um galo da raça indio gigante, que via melhorar bem a sua pequena criação, o galo indio gigante, é uma ave rustica, de fácil manuseio, crescimento rápido e quando vou vender pintos tem boa aceitação, por causa do tamanho e peso. espero que essas informações tenha sido útil. um abraço Criadourovarzante.webnode.com.- fasf.fernando@ibest.com.br

  48. Posso cortar as esporas do galo?

    Sou de Curitiba, tenho uma galo de 1 ano e 6 meses 5,600kl com esporas de aproximadamente 5cm, e esta machucando as galinhas abrindo feridas nas costas delas. posso cortar? qual ferramenta devo utilizar? qual o limite?

    Conto com sua ajuda.

    • Olá Fernando.
      Não tenho ideia de como cortar o esporão do galo, pois nunca tive que fazê-lo. Sugiro que consulte um veterinário ou alguém com experiência neste caso.

      • pode sim. não atrapalha no desempenho do seu galo com as suas galinhas .instrumento serra para corte de tubos de encanações

    • Não aconselho ração de postura para nenhuma ave, macho ou fêmea. Minhas galinhas poem ovos diariamente sem o uso de nenhuma ração. A formulação e a origem destas rações são muito questionáveis. Não vou entrar em detalhes sobre estas questões, sugiro que pesquise um pouco mais sobre os ingredientes destas rações e tome suas próprias conclusões.

  49. ola meu nome é celimar gostaria de saber o que voce pode me indicar o que posso usar para acabar com os piolhos das galinhas sem prejudicar os pintinhos que estão com quatro dias de vida

    • As galinhas, como quase todas as aves na natureza, costumam tomar banho de areia para remover piolhos e outros parasitas que ficam sob suas penas. Um caixa de areia ajuda bastante. Mas se a infestação for grande sugiro uma receita do livro “Alternativas Ecológicas para Prevenção e Controle de Pragas e Doenças” de Ines Burg, usando a erva santa-maria ou erva das pulgas (Chenopodium ambrosioides). Corte galhos e sementes e coloque no ambiente onde elas costumam dormir e dentro dos ninhos. No livro indicado aparecem outras receitas mais complexas. Caso queira adquirir o livro acesse o site http://agroecologiaealternativasecologicas.blogspot.com/
      Espero ter ajudado.

    • Celimar adicione enxofre na ração é muito bom para combater piolhos, coloque bolfo ou nafitalinas nos ninhos tudo isso é muito importante é indispensável ter areia porque as galinhas gosta de tomar banho e ciscar. o bolfo e a naftalina não é recomendado por causa dos pintinhos, mais coloque no ninho folhas de bambú ou mastruz que acaba com os piolhos sem prejudicar os pintos. espero ter contribuido com essa informação (criadourovarzantewebnode.com)

    • Olá Sueli.
      Não é as galinhas que atraem os ratos, mas sim seu alimento (ração, milho, resto de cozinha…) que ficam a disposição destes roedores. Ainda não conheço um jeito que só as galinhas possam se alimentar. Alimentos armazenados de maneira inadequada (dentro do próprio saco, próximo ao chão, latões sem tampa…) também são um ótimo atrativo destes animais. E geralmente quando aumenta a população de roedores aparecem as serpentes para comê-los. As “pragas” surgem geralmente quando há alimento em quantidade e de fácil acesso.

  50. Boa-noite,

    Tenho um quintal de cerca de 350m2, comentei com um amigo que estava querendo criar galinhas soltas para ajudar no controle de ervas daninhas no gramado e também para afastar o risco de escorpiões. Hoje ele me disse que está trazendo um casal de pintinhos. Como não estou preparado para recebê-los, vim buscar ajuda na net e encontrei este site que só tem informação de primeira, parabéns pelo trabalho! Como você disse que o ideal é um galo para 8 a 10 galinhas, quanto tempo tenho até que este pinto vire galo e comece a “detonar” a galinha? Como não pretendo manter 8 galinhas (terei no máximo duas ou três), a melhor opção é criá-las sem um galo? Terei que comprar os outros pintos antes que os atuais cresçam para que não haja o tal repúdio, ou a melhor opção seria esperar minha galinha chocar? Inicialmente tenho uma boa quantidade de mato no quintal, ainda assim terei que complementar a alimentação? (temo os ratos). Desde já, obrigado.

    • Olá Neimar.
      Se sua intenção é ter no máximo 3 galinhas sugiro que pegue mais dois pintinhos fêmeas. Se deixar seu casal crescer e formar uma ninhada terá um grande número de pintinhos e nem sempre nascem fêmeas. Fiz uma experiência adquirindo um casal de garnisés adultos e deixei a fêmea chocar os ovos. Nasceram 6 galos e só 3 galinhas, naturalmente tive que doar os galos. Ainda tenho dois e não sei o que fazer com eles, pois não tenho mais “sangue frio” para abatê-los, e nem todo mundo aceita galos para criar. As galinhas vivem muito bem sem o galo, principalmente e grupos pequenos. As galinhas em geral precisam comer grãos (milho, soja), pois é fonte de proteína e carboidrato, essencial para o crescimento e desenvolvimento das aves. Galinhas criadas soltas com grande abundância de alimentos como gafanhotos, cupins, formigas, lagartas, larvas de mosca, lesmas, minhocas, vegetais forrageiros, quase não precisam de suplemento (milho ou soja). Como não é possível medir esta dieta natural, pois a natureza está em constante transformação, sugiro que adicione um pouco de milho diariamente na alimentação delas. Para não chamar a atenção dos ratos dê apenas a quantidade que elas comerão no momento do trato. Guarde o saco de milho em um tonel de plástico com tampa e nunca terá problemas com ratos na ração.
      Att. Gardel

  51. por favor preciso saber oque fazer para piolhos de galinhas , os piolhos entraram na casa .nos tapetes. sofas e cama mpor favor me ajudem ja lavei o chao ate com querosense;oque fazer preciso mda resposta com urgenciatenho duas crianças com 5 anos e outra com 9 ate na cabeça da criança com 5 anos tinha no corpo de nos tbm deste ja agradeço

    • Janaina, Piolho é um problema, tive uma infestação nos galinheiros e resolvi com lança chamas, depois coloque bolfo em todas as galinhas, nos ninhos, coloquei folha de bambú, mastruz, naftalina, tudo isso ajuda a combater essa praga. Seria muito bom dedetizar a casa caso esteja infestada, afaste as crianças dos galinheiros, por que piolho incomoda muito. espero ter contribuido também com essa informação. atenciosamente (criadourovarzante.webnode.com)

  52. Janaina
    Conforme podes ver acima, tive problemas com piolhos em 2009. Lido com eles até hoje. Mas estão sob controle. Não tenho galinhas desde então (consegui me abastecer de ovos com o vizinho de frente). Mas, os piolhos estão em todo o ambiente e na casa (ficam os ovos). Calor e umidade são um prato cheio. Para manter sob controle, o importante é manter a casa sempre arejada. O melhor produto que encontrei foi o óleo essencial da laranja. Com o óleo a população dentro de casa diminuiu bastante. Mas a primeira dica é retirar as galinhas do local, pois com elas a proliferação aumenta. Usei o neem, mas não funcionou muito bem. Ele funciona na hora, mas não funciona como residual e os piolhos se multiplicam muito rápido… O moisés deu uma dica de usar a folha do bambu or ter arsenico. Não sei se teria uma forma de fazer uma infusão de folhas de bam bu e usar. Quem sabe?
    Grande abraço

  53. Adorei o site.Trabalho em uma escola na zona rural e estou tentando começar uma criação de galinhas e frangos para ajudar na merenda escolar;preciso de alguma coisa simples e barata, pois não dispomos de verba para tal.Se vc tiver alguma sugestão e puder me passar, ficarei grata.Parabéns pelo seu trabalho, é maravilhoso! Um abraço. Mary

  54. Caro amigo do sítio, como vai? Há alguma hortaliça, ou vegetal, que a galinha possa comer, se for soltar um trator em cima de uma horta? Muito obrigado, Leandro

    • Olá Leandro. É mais fácil listar plantas que as galinhas não comem, pois elas digerem quase de tudo. Primeiramente posso dizer que elas comem tudo o que você come cultivado na horta. Entre as ervas daninhas posso destacar a trapoeraba, carurú, taioba, grama, serralha, beldroega…

  55. eu tenho 1 franginha de pescoso pelado mais as minha outras galinha nao aseitam eu criar mais la ja tendaram matar ela bem eu conseguira sauvar agora eu crio ela numa jaula de coelho ela pode morrer

    • Olá Tatiany. Se ela receber água e comida (milho, ração e restos de hortaliças) dificilmente irá morrer, pelo menos por fome. A briga entre galinhas é muito comum, pois elas costumam ser agressivas entre si por vários motivos: disputa pela liderança, comida, ninho e até mesmo pelo galo. Uma dica para fazê-la mais feliz é deixar a gaiola, durante o dia e na sombra, sobre a terra ou grama. Este contato é muito importante para a qualidade de vida dela. Uma galinheiro móvel seria o ideal.

    • Olá Maria.
      Isto é muito difícil de saber. No entanto sugiro que observe o comportamento desta ave e não consuma os ovos durante esta “quarentena” de alguns dias. Conselho: para evitar acidentes não cultive plantas tóxicas junto/próximo a aves e outros animais.

    • Olá Raquel.
      Se sua questão é referente a quantidade de ração para alimentar 100 pintos por 30 dias ou mais, sugiro que leve sua questão a um agrônomo ou técnico agrícola. Pois minha criação é caseira e para subsistência, com um número muito pequeno de aves.

  56. olá gostaria de saber c posso criar pintinhos (galinhas para ovos) em um local que tenho na chácara onde moro .. tenho dois comodos pequenos do lado da minha casa (tijolos ,telhas, com entrada de ar dos lados (blocos furados) .. é cercada na frente com tela .. tem algum problema em cria-los nesse comodo? ficaria muito grata c pudessem nos ajudar com qq. tipo de resposta .. obrigada e t+

    • Olá Anna. Pela sua descrição não vejo problemas em criá-las neste local, desde que não faltem banhos de sol, contato com a terra e uma lugar protegido da chuva e de ventos fortes. Veja se nenhum animal invasor possa entrar, pois um galinheiro, antes de tudo é um lugar seguro e protegido de invasores (lagartos, raposas, cobras…).

  57. Ganhei quatro pintinhos, não sei se ainda são pintinhos, pois ja trocaram as penas amarelinhas, mas ainda não são frangos, que dúvida. Mas a pergunta é a seguinte os gatos estão querendo ataca-los no quintal, será que os gatos conseguem comê-los? Me ajudem. O que eu faço?

    • Olá Sílvia.
      É bem provável que os gatos comam os pintinhos, pois na natureza eles complementam a ração com passarinhos, roedores e alguns anfíbios. O jeito é criá-los numa gaiola/viveiro separado dos gatos até que atinjam um tamanho adulto para serem soltos. Um galinheiro móvel com tela pequena para pinto é uma ótima opção para criá-los semi-soltos e protegidos dos gatos. Veja alguns exemplos nesta página http://home.centurytel.net/thecitychicken/tractors.html

  58. Prezado Gardel Silveira.

    Tenho um sério problema com os caracóis terrestres, moluscos pertencentes a Classe Gastropoda e subclasse Pulmonata, também conhecidos como caramujos. Preciso encontrar um predador. A área é de apenas 6 m X 6 m e a infestação é tremenda. Vi nas postagens acima que as galinhas se alimentam de caranujos, será que umas duas ou três galinhas dariam conta de eliminar essas pragas.

    Atenciosamente,

    Vilson Ruver

  59. Olá. Alguma dica sobre galinhas d’angola? ouvi dizer que elas são ótimas contra escorpiões e aranhas. Mas não sei mais nada sobre elas…alguém saberia? abs

    • As galinhas de angola, como qualquer outra galinha, quando soltas alimentam-se de gramíneas, sementes, frutas, insetos, aracnídeos, anfíbios e até mesmo répteis pequenos. No entanto ouvi falar que as galinhas de angola preferem mais os insetos e até mesmo as cobras.

  60. Boa Tarde!
    Observei em seu blog o conhecimento da criação de galinhas, como tenho algumas em meu quintal tenho algumas duvidas com relação a alimentação, alimenta-las somente com milho sem a ração de postura causará algum problema.Outra dúvida é quanto ao risco da ingestão, do caramujo africano que na minha região existe em grande quantidade.
    Desde já agradeço.

    • Olá Iarema.
      Somente milho não é o ideal, mas se elas forem criadas soltas no quintal, e este quintal for bem diversificado de plantas forrageiras (confrei, serralha, caruru, trapoeraba, grama comum…), restos de frutas e ocasionais insetos, basta um pouco de milho para complementar a alimentação. Caso forem criadas em galinheiro fechado, sugiro complementar a alimentação com restos da cozinha, da horta, poda de árvores forrageiras, insetos (tronco de árvores sobre o chão atraem cupins ricos em proteína), minhocas, larvas, etc.
      Em relação aos caramujos africanos deixe eles longe das galinhas, pois podem matá-las.

  61. Ver esse site me ajudou bastante, pelo fato que criava minhas galinhas soltas em minha chácara, mas sempre uma ou outra passava para a chácara do vizinho e era uma luta para pegar elas de volta pela ave que era arisca e pelo vizinho que falava que era dele… Então inspirado nos projetos aqui fiz o meu galinheiro movel, agora gostaria de saber se posso alimentar elas só com o mato que vai estar dentro do galinheiro ou tenho que dar um reforço igual milho ou racao? E nesse sistema se tiver que dar um reforço eh para eu dar antes gramas de quantos e quantos dias para as galinhas?

    • 4.Por motivos pessoais, estou sem tempo para responder às questões levantadas pelos amigos internautas. Peço desculpas pelo inconveniente. Deixarei as questões publicadas para o caso de alguém ter conhecimento e interesse em responder.

    • Alercio, como suas galinhas encontram-se presas, elas necessitam muito de comer alimentos verdes, frutas etc. Quanto a ração e o milho são primordiais na alimentação das aves. Você sempre vai precisar adicionar uma vitamina na água como vitagold para evitar anemias para que elas aves possam ter mais apetite. Espero ter contribuido com essa informação. Atenciosamente, criadourovarzante.webnode.com (fasf.fernando@ibest.com.br)

  62. Ola, pude ler um pouco sobre o Sitio Curupira aqui pelo WordPress, meu nome é Nathalia Antonucci e sou estudante de Medicina Veterinária da Universidade Federal Fluminense e tenho grande interesse em trabalhar com produção animal orgânica, sustentável e que pratique o bem estar animal, incluindo assim os principios da permacultura. Mas tenho enorme dificuldade de encontrar locais, sitios ou fazenda que tenham esses aspectos conjuntos a uma produção animal e agricola, de forma que elas se integrem, como é na natureza, um grande simbiose. Pelo que li o sitio curupira atende muito bem esses aspectos, ao menos na criação de galinhas. Entao gostaria de saber sobre mais informações da criação animal existente no sitio e quem sabe poder realizar uma vivencia com voces para aprender mais sobre permacultura, cultura orgânica animal e vegetal e tambem todo dia-a-dia do sitio.

    Meu email: nathalia_antonucci@hotmail.com

    • 3.Por motivos pessoais, estou sem tempo para responder às questões levantadas pelos amigos internautas. Peço desculpas pelo inconveniente. Deixarei as questões publicadas para o caso de alguém ter conhecimento e interesse em responder.

  63. Olá amigos do sítio!Eu tô por aqui dinovuu pra ver se vcs podem me dar uma ajudinha. A minha “popozinha” tá com um comportamento arredio faz uns dois dias, começou a andar devagar, comeu pouco, parece com sono mas fica em pé sabe? Podería ser choco? É que ela ainda dorme no ninho a noite com seu pintinho(franguinho que já tá com 3 meses), por algum motivo ela não largou o filhote, e eles ainda dormem juntos. Ela botou ovos normalmente até ontem, será normal ela ficar choca já? Existe uma média de tempo entre um choco e outro? Ou ela pode estar doentinha? Acabei dando proverme pra ela ontem, achei ela muito gorda… uns dias antes ela “exagerou” na comilança e ficou redonda. Mas passou o dia meio paradinha.O que posso fazer amigos?

  64. esqueci de dizer: A popozinha é garnizé, ela é um dengo vem no colo,gosta de massagem na barriga e de carinho. Já tem um ano e meio e teve 3 gerações de pintinhos, mas sempre deixo no máximo um casal pra ela criar… Éla sempre “passa” do tempo com eles e quando vai botar ainda está no ninho com o filhote já crecido da cria anterior sabe? É meio estranho esse comportamento? Me dêem uma luz tô com medo que ela esteja dodói,por culpa minha, eu mimo demais e talvez tenha dado muita comida e ela pode ter ficado cheia…

  65. Sitio Cupira. Boa noite.
    Aqui fernando fernandes. Tenho uma pequena criação de galinha indio gigante. gostaria de saber o podoria fazer para evitar que as galinhas comam as penas uma das outras. Tenho fornecido ração balanceada de boa qualidade. Adicionei pó de ostra e enxofre na ração, mesmo assim elas continuam biliscando e comendo as penas. o que devo fazer, um abraço fico no aguardo de uma resposta. fasf.fernando@ibest.com.br

    • Por motivos pessoais, estou sem tempo para responder às questões levantadas pelos amigos internautas. Peço desculpas pelo inconveniente. Deixarei as questões publicadas para o caso de alguém ter conhecimento e interesse em responder..

    • Leonardo, se você quer que sua galinha ponha mais ovos, tem que dar uma ração balançeada para postura,milho de boa qualidade, frutas e capim verde adicionar uma vitamina na ´àgua como vitagold potenciado, com isso os pintos vão nascerem mais saudáveis . Espero ter contribuído com essa informação. Atenciosamente. criadourovarzante.webnode.com (fasf.fernando@ibest.com.br

  66. Nossa a galinha deve estar muito feliz presa naquele cubiculo com cerca eletrica, eu ate imagino como ela e felizarda mas eu daria esse premio aos seus donos.

  67. ola. estou comecando c algumas galinhas no quintal urbano, mas c terra… uma hortinha e etc… optamos por uma vida mais tranquila e c qualidade no interior. penso nessa relacao de troca c os animais, c ovos, carne. queria saber se eh possivel tb manter uns patos no galinheiro (requerem algum manejo especial?) e tb se eh bom/viavel o uso de brotos e sementes germinados – explico. pensei em usra trechos do quintal p deixar sementes egrminadas na agua/ar (excedente de consumo) na terra por uma semana oh duas p depois transferir as galinhas p essa area e assim rotacionar. imaginei se n melhoraria a nutricao (e qualidade de vida dos animais, pela ciscagem, etc), bem como ajudari a a distribuir o esterco no terreno… a area eh pequena p o manejo semelhante ao seu, mas pesnei numa adaptacao… podeira opinar sobre isso. muito obrigado desde ja e parabens por tudo, tato site como pela opcao em viver bem.

    • Por motivos pessoais, estou sem tempo para responder às questões levantadas pelos amigos internautas. Peço desculpas pelo inconveniente. Deixarei as questões publicadas para o caso de alguém ter conhecimento e interesse em responder.

    • ola tenho patos, marecos, patuli e angola todos juntos no quintal com as galinhas, o problema que sempre tem um de cada especie que quer dominar todos. tenho um pato que monta nas galinhas. tem galo que monta nas patas e assim por diante. tenho um angolo macho que bate em todos os galos com exeçao de um que é amigo companheiro que andam junto o dia todo. aqui acontece de tudo. Tenho um pato que monta no galo. Filmei esses dias vou mandar para TV rss.
      Essas coisas bizarras acontece de tudo quando misturamos varias especies de animais.

      • Edison é normal principalmente em galos na hora de cruzar eles montarem em qualquer espécie que estejam na sua frente. Quanto as galinhas de angola, elas realmente são muito valentes. Elas batem muito e às vezes se reunem em grupo para atacar suas presas, principalmante na hora da comida, ficando muito ariscas e mostrando seu dominio na área. Espero ter contribuído com essa informação. Criadourovarzante.webnode.com. (fasf.fernando@ibest.com.br)

  68. bom dia,
    minhas galinhas estão todas machucadas debaixo das asas com grandes cortes, pode ser o galo?
    preciso urgente de ajuda, será que terei que sacrificar o galo..

  69. Boa tarde Gael
    Sou colombiana e moro em Curitiba, ontem em Morretes gostamos muito de uma galinha poedeira e decidimos traze la para casa. Moramos num sobrado que tem um jardim pequeno nos fundos e uma área destinada para o composto. Queríamos muito ter um animal de estimação e pensamos que uma galinha poderia ser uma boa ideia…??? já que cuidaria de alguns insetos desagradáveis e finalmente nos daria ovos. Teria algumas dicas para ela ficar mais dócil e ter uma vida agradável aqui conosco. Gostaria que ela desfrutasse e virasse minha amiga, isto é possível?
    Grata,
    Maria Andrea

  70. Parabéns pelo trabalho, gostaria de saber se vocês utilizam algum tipo de ração principalmente para as galinhas de postura, ultimamente tenho formulado um que é composto de farelo de milho, farelo de soja e calcário calcítico, mas minha pergunta é se ainda está faltando algum ingrediente importante. Obrigado Josué Teófilo

  71. Paz, saúde para voc~e. Seu blog é muito bom, e tomara que tudo se normalize em sua vida.
    Achei você o máximo da educação e espero que tudo de bom ocorra em sua vida e continue respondendo o pessoal. Por isso nem fiz pergunta alguma. só desejo tudo de bom a você. Moro em Jataí – GO.

  72. Ola,

    Faco criacao de galinha cafreal num jardim ao ar livre em mocambique e ha 3 dias uma das galinhas com 5 pintainhos apareceu com picadura (parece de cobra porque tem 2 pontos) e com muito ar dentro. Ela nao come, move-se muito pouco, nem chama pintainho, esta a definhar. Que faço para nao perder a galinha?

    Obrigado pelas respostas,
    Alina

  73. Parabéns pelo trabalho maravilhoso, estou surpresa, pois nao imaginava que existia esse tipo de trabalho, tudo muito bem pensando e de forma muito agradável, e muito planejado. Mais uma vez parabéns e desejo muito sucesso. Beijao

  74. Boa noite, estava olhando minhas galinhas caipira e notei que uma delas apresentava uma grande ferida, parecendo um tumor, quando percebi ja estava com uma casca em cima, mas ao preciona-la saia sangue, e ficou uma lesão eleva e grande perto do oveiro, e perto da coxa esta aparecendo um “tumor” com a mesma caracteristica, mas sem ferida, ainda esta pequeno. O que pode ser?

    • André seria interessante verificar o esporão do galo, pode ser que esteja grande e ferindo as galinhas. Caso afirmativo seria interessante cortar parte do esporão. Espero ter contribuido com essa informação. Atenciosamente Criadourovarzante.webnode.com

  75. boa tarde, tenho um sitio fiz um galinheiro coloquei galos, galinhas, galinha de angola e outras mais , o galo briga e machuca as galinhas, principalmente as pequenas, gostaria de algmas sugestões, como faço para cortar as espora do galo sem acabar com sua natureza, quais as ferramentas usadas para isso aguardo respostas e muito obrigado.

    • Sr. Pedro
      Uma maneira de cortar o esporão do galo é usar uma serra de serrar cano, corte deixe mais ou menos um centimetro, depois pegue uma faca coloque no fogo e passe no esporão cortado para estancar o sangue caso vem acontecer. Espero ter contribuido com essa informação. Atenciosamen te Criadourovarzante.webnode.com

  76. Amei este Blog , O Sitio então , sonho consumo … Parabens .. Eu moro n Rio , numa casa q tem quintal grd , então foi feito um galinheiro , Cm Gaúcha q sou adorei , e gosto d Galo o Preto q é lindoo , e seu harém , Foi comprado aki p casa uma chocadeira elétrica ,então eu saia p trab , qd voltava já tinha pintinhos nascendo , enfim , dá trab , Agora o problema , se é q possa ser minimizado , O CHEIROOO. Durante o dia ficam soltas , mas a noite tds dormem trancadas , fazem uma sujeira danada , Coloquei uma tela p filtrar ração q fede + coco+ , .. mas ainda assim tem cheiro ruim , Lavo d manha , coloco desinfetante tipo criolina , Meu medo ´q q os vizinhos venham reclamar , mesmo eu morando mas afastada , o cheiro é forte . E o q fazer com td q foi filtrado , misturar na terra , mas dai vai ficar td fedendo kkkk , Acho q vou fazer uma doação p Stio Curupira rsrsrsr , Ótimo Ano , Fica c Deus .

  77. Tenho uma galinha de estimação, ela é novinha ainda, está botando há mais ou menos uns 45 dias, mas nos últimos dias ela está botando no meio da noite, e o ovo está saindo com a casca mole, não sei o que fazer pra ela voltar a botar normalmente e estou preocupada, se puderem me dar alguma dica do que devo fazer, desde já agradeço!

    • Oi Ana.
      Está faltando cálcio na alimentação dela. Pode complementar a alimentação com pó de ostra ou verduras ricas em cálcio.

  78. ola gostaria de sabe porque os pintinhos de granja
    quando estao pequenos ele se pica uns aos outros ate morrer e começa no rabinho…
    pois estou criando
    2.000 pintinhos de granja e polaquinhos
    obrigado e espero a resposta…

  79. maio 2013
    ola, ganhei tres galinhas e um galo, sao muito fofos, o galo é bravo mas nunca me atacou, o local deles morar , era um galinheiro desativado mede seis metros por tres, bom é bem grande, mas deixo eles soltos no quintal, na realidade cuido deles para comer bichos peçonhentos , escorpião, cobra, e sei la mais o que, bom a pergunta é teve piolho e passei kaltrine em tudo , bom sumiu, devo repetir esse veneno.obrigadaoutra pergunta, qual é a melhor qualidade de galinha para botar e procriar, soltas.obrigada

    • Bom dia Inês.,

      Adicione enxofre na ração que ajuda a combater o piolho. O piolho é um ácaro hematófago, causa dermatite (coceira intensa) e pode transmitir bactérias como Ariquetsia, responsável pelo tifo. Na falta de aves estes piolhos bucam alimentos de sangue humano.
      Recomendamos: Faça uma boa limpeza nos galinheiros removendo e queimando todos os ninhos e palhas.
      Um controle químico de galinhas e nos galinheiros são primordiais, recomendamos o produto neguvon, da bayer , da seguinte forma:
      pulverizar as galinhas e galinheiros com uma solução de 0,1% até 0,4%. Repetir o tratamento após 7 dias.
      O bolfo da Bayer também é recomendado.
      A sabedoria popular diz que ninhos de folha de bambu evitam criação de piolhos.
      Crenças populares, coloque nos ninhos, galhos com folhas de ervas santa-maria, uma vez que as galinhas bicarão as folhas da erva…Caso não encontre, pode usar pedras de cânfora ou naftalina (comprada em farmácia )… Tanto um quanto o outro recurso deverá ser reposto pelos menos a cada 15 dias no período de 02 meses. Veja também algumas informações no livro de receita “Alternativa ecológica para preservação e controle de pragas e doenças” de Inês Burg.

      Espero ter contribuido com essa resposta.
      Atenciosamente
      Criadourovarzante.webnode.com (Fernando Fernandes)

  80. Boa tarde, comecei uma criacao agora, de galinhas caipiras poedeiras para consumo proprio, ja comprei 3 galinhas grandes, com 7 meses e comprei tbm 8 franguinha de 1 mes e 1/2 e gostaria de saber com quanto tempo posso soltas as frangas junto com as galinhas no galinheiro.

    • Olá Vinicius.
      É importante colocá-las logo juntas para se acostumarem. Não é incomum galinhas brigarem entre si para estabelecer hierarquia. As vezes temos que até que separá-las definitivamente, pois acabam se machucando muito. O ideal é colocá-las no local definido ao mesmo tempo.

  81. Olá gostaria de fazer o mesmo manejo de vcs! Minha propriedade é para cana mas vou colocar as galinhas em área que nao plantamos a cana!

  82. Boas. tenho um casal de garnizés que não param dentro do galinheiro. Eles pulam a cerca e destroem a horta. já aparei as asas à femea que é a pior mas não adianta. Se lhe deitar alguma cola nas asas será que resolve?

    • Olá Armandinho.
      É muito comum as pessoas cortarem as duas asas da ave, isso não funciona. O ideal é cortar apenas uma das asas, assim ela fica desequilibrada e não consegue realizar o voo. Se isso não der certo o jeito mesmo é aumentar a altura da grade ou usar uma rede/sumbriteiro na parte superior.

  83. Boa noite. De onde vcs são? Moro em São Vicente-SP na Baixada Santista, ao lado da cidade de Santos. Vcs costumam entregar alimentos em casa? Ou senão, conhece algum sítio proximo da minha cidade? Obrigada pela atenção.

  84. Gostaria de saber za respeito de um galo que tenho,dia 25,08.13 tava arrumando o galinheiro e ele entro nele dai eu chutei ele pela bunda dai ele ficou com semblar triste o que pode te acontecido com ele e com uma postur triste

  85. Tem uma frase que diz o seguinte: “E como se bastasse tudo isso, fornecem carne de ótima qualidade sem hormônios ou antibióticos e ovos diariamente.” Nenhum tipo de ave de produção recebe hormônios, nem na ração e nem por qualquer outro meio. Com relação aos antibióticos, tudo bem. Vocês do Sítio Curupira deveriam se informar a respeito, para evitar a disseminação de informações errôneas para a população.
    Att.

    • Apesar de em nenhum momento ter afirmado que na avicultura convencional são utilizados hormônios para um crescimento rápido, resolvi alterar a frase para não gerar mais interpretações equivocadas.

  86. ola. estou querendo fazer esse tipo de cerca eletrica p galinhas. pode me dar uma refrencia do equipamento a ser usado? serah q tb serve p afastar os caes de um viveiro de passaros? obrigado.

  87. Olá , eu tb estou querendo saber sobre esta cerca elétrica mas para afastar meu cachorro que está devastando minhas plantas. Ele é da raça cane corso e esta deixando a minha cerca viva de tumbérgia quase zero .Ele come a raiz da tumbérgia e me falaram sobre este sistema.
    onde encontro? como faço?

    • Olá Silvia.
      O aparelho para instalação você encontra em agropecuárias ou casa de ferragens. Peça dicas ao vendedor para instalar o sistema, ou siga as instruções que vem junto com o aparelho.

  88. GOSTARIA DE SABER POR QUE MINHAS GALINHAS COMEM AS FEZES DO MEU CACHORRO? SE ISSO É NORMAL? SE PODE SER PREJUDICIAL AO COMER OS OVOS DELAS? SE FALTA ALGO NA ALIMENTAÇÃO DELAS? EU AS TRATO COM MILHO E RAÇÃO POSTURA. AGUARDO RESPOSTA.

    • Olá Gelson.
      Quando as galinhas estão soltas é comum elas comerem as fezes de qualquer animal. Por esta razão é importante oferecer vermífugos naturais como alho e tronco de bananeira regularmente.

    • Raires, deixa eu passar um produto que vai resolver o problema do seu pintinho. Compre um produto chamado bolfo, e coloque nas penas dele faça isso de 15 em 15 dias que vai resolver o problema. Espero ter contribuído com essa informação. Atenciosamente Criadourovarzante.webnode.com

    • Boa tarde Gilson, todas as galinhas quando são tratadas soltas comem de tudo, cobras, insetos, fezes humanas de animais em fim comem tudo que encontra pela frente. Quanto comer os ovos não tem nenhum problemas porque ela se alimentou com a fezes de cachorro, A única coisa que você terá que observar se as falinhas estão com vermes. Caso afirmativo terá que fazer um tratamento caseiro pode fornecer folhas de bananeira, tronco da bananeira, alho também é muito bom inclusive para coriza .Porque a verme é um parasita mais comuns nas aves como a tênia, ascaris, heterakis e capilária. Recomendamos usar Medendazol, ivomec, Systamex. e repetir conforme recomendação do fabricante ou veterinário.

  89. o que eu poderia fazer peguei um pitinho branquinho e na hora em que mexie nas penas dele percebie um monte de incetos pretos com como se fosse umas aranhinhas amarelas por cima do bicho preto nas peninhas do meu pinto era desse tamanho @.o que devo fazer?

    • Boa tarde, Raires!
      Isso é um parasita, tipo piolho. Use nas penas bolfo e coloque nos lugares a onde fica, faça esse tratamento por 15 dias e observe. Toda a área onde encontra-se os pintinhos tem que ser tratadas, pode usar creolina na mesma proporção com água.. Espero ter contríbuido com essa informação. Criadourovarzante.webnode.com

  90. Olá amigos do Sítio Curupira e demais seguidores!

    Acho de muita valia as dicas, sugestões e trabalhos desenvolvidos. Tenho consultado e aprendido muito!
    Estou com uns problemas com minha mini garnizé e gostaria de saber se podem me ajudar. É o seguinte: adquiri uma mini garnizé a pouco tempo e ela logo em seguida entrou em choco. Estava tudo bem, isolada em uma gaiola grande para ficar em paz, até que percebi uma espécie de “casquinha” em seu olho. Estranhei pois sabia q não era resultado de uma briga…
    No outro dia, esta casquinha estava maior e tb havia uma na barbela logo abaixo da orelha. O olho começou a ficar fechado e inchado, então providenciei uma limpeza com chá de camomila e tansagem morninho… Procurei informações na internet, mas não achei nada muito claro, por isso recorro a ajuda de vcs… O q pode ser? Como devo proceder…
    Estou bastante preocupada, desde já agradeço qualquer opinião e dicas.
    Posso mandar foto, caso auxilie na identificação.

    Forte abraço a tod@s
    Shada

    • Pode se tratar de Bouba aviária, se ela for adulta pode desenvolver uma resposta imunológica eficiente em até 15 dias. Se por acaso aumentar é melhor cauterizar e limpar o ferimento com tintura de iodo, aplicando com um cotonete. Na água de beber pode adicionar um medicamento para auxílio contra a doença, infelizmente o remédio apenas melhora a resposta imunológica, mas nada pode fazer se por acaso os caroços tornarem a galinha triste e ela não se alimentar e nada pode fazer caso passe a desenvolver essas verrugas dentro da garganta impedindo que a ave se alimente.

      tenho um blog, visite se puder:
      http://thefarmhome.blogspot.com.br/

      • Agradecida pela resposta! Ela já está melhor… Passei tintura de tuya nos ferimentos e dei terramicina la. Abraços

  91. Olá a todos!
    Se alguém puder me ajudar eu agradeço. Coloquei a galinha choca com 13 ovos, só vingaram 5. A minha dúvida é a seguinte. Quantas fêmeas nasceram? Não sei distinguir quem é frango e quem é franga. Eles já tem 4 meses, apenas um demorou muito pra criar rabinho, os outros já estão com os rabos formados, será que são 4 frangas? Estou na torcida porque não quero matar nenhum, minha intenção é apenas a produção de ovos, já estou preocupada pois se esse for frango vou ter que doar pra alguém, já que tenho um galinho garnisé que dá conta das outras 4 galinhas que eu já tinha. Desde já agradeço a atenção.

    • Boa noite Gislene Michel!

      Boa noite

      se o pintinho ao ser pego na mão esticar as pernas é macho e encolher e fêmea, os macho demoram a colocar o rabinho as fêmeas são mais apressadas.
      Outra dica:
      1. Abrir as asas como leque
      2. Observar as penas na sua parte inferior: as penas de baixo são as primárias e as de cima as secundarais.
      3 Quando as primárias são mais compridas que as secundárias,, o pintinho é fêmea
      4 Quando as primárias têm o mesmo tamanho ou mais curtas que as penas secundárias, o pintinho é macho.

      Espero ter contríbuido com essa informação.
      Atenciosamente
      Fernando Fernandes
      Criadourovarzante.webnode.com
      http://www.criadourovarzante@hotmail.com (81) 99526980

  92. bom dia, achei super interessante essa ideia, tenho duas galinhas e um galo em minha casa, mas a galinha esta ferida por causa do galo, que rasgou as costas dela com a espora! não tenho experiencia com criações, pois até hoje só tive gato e cachorro, tem alguma coisa que posso fazer para diminuir a espora do galo? grata!

    • Olá Mitchiara.
      Com certeza é o número de galinha para cada galo. O ideal é 10 a 12 galinhas para cada galo. Quando há poucas galinhas elas sofrem muito pelo excesso de coberturas por dia. Minha sugestão é separar o galo das galinhas ou introduzir mais galinhas no plantel.

  93. tem uma criação de 50 galinhas elas estão ficando sem as penas na parte de cima é doença, ou culpa do galo só tenho 2 galos para as golinhas.

    • Olá Cilene.
      As variáveis podem ser muitas, mas o mais comum é falta de cálcio. Como sugestão adicione na ração delas as seguintes susbtâncias: para cada saco de milho (50 kilos), acrescentar 05 kilos de farinha de osso ou de ostra. Ou simplesmente adicione um pouco destes minerais regularmente no cocho de alimentação das galinhas. Não precise se preocupar muito com a quantidade, pois elas só comerão o necessário. Galinhas soltas regularmente acham o cálcio na própria natureza em insetos, caramujos e plantas forrageiras.

  94. bom dia, primeiro, parabens pelo blog, boa informacoes !
    eu tenho 6 galinhas que produzem ovos , comem racao organica, restos da horta e que passeiam livres por algumas horas por dia.
    as galinhas sao de racas diferentes e uma delas , que tem um ano de idade e deveria estar no “pico” da producao, parou de botar ovos ja ha mais de 3 meses. Ela é a ultima na ordem de forca entre as galinhas , ou seja as outras galinhas sao agressivas com ela, mas mesmo assim ela come e bebe agua e esta com penas lindas. nao sei o que fazer. alguma sugestao?
    obrigada
    Marta Camargo

    • Olá Marta.
      A agressividade entre galinhas é muito comum, pois elas gostam de deixar bem claro quem é quem no galinheiro. Já presenciei galinhas “cobrindo” outras galinhas, simplesmente para mostrar sua posição na hierarquia. O stress assim como falta de algum nutriente como cálcio, podem influenciar na postura. Galinhas mais debilitadas ou com alguma doença não aparente como vermes podem diminuir ou até mesmo parar a postura. Geralmente na época da quaresma (páscoa) as galinhas diminuem bastante a postura, pois toda sua energia irá para a formação de novas penas para enfrentar o inverno pela frente.
      Espero ter ajudado.

      • Boa tarde Senhora Marta!
        Pelo que estava lendo, sobre a sua pequena criação de galinha e que uma delas parou de produzir ovos, pode está relacionado com stresse ou falta de algum ingrediente na ração, talvez falta de cálcio, seria interessante a senhora adicionar casca de ovo ralado na ração ou comprar pó de ostra, adicione também na água conforme bula, gotas de Potenay potenciado ou vitagood, isso irá ajudar melhorar a postura das aves, se as galinhas continuarem agredindo umas as outras seria interessante separa-las por causa do stresse.
        Espero ter contribuído com essa informação.
        Atenciosamente
        Criadourovarzente.webnode.com
        (criador de galinha da raça índio gigante)
        fasf.fernando@ibest.com.br
        Tel. (81) 99526980

  95. Ola sitio Sucupira, Moramos em São Paulo, mas somos de Blumenau. Tinhamos duas galinhas e um galo, mas uma das galinha e o galo morreram com o tempo. Isso ja ha quase dois anos, Ela fica no fundo do quintal com terra e arvores frutiferas. Acontece que a noite ela esta vindo ficar no muro bem proximo da porta da cozinha, ate ai tudo bem senao fosse a sujeira e o mas cheiro com as fezes dela pela manha. Ja tentamos inibir a passagem dela com telas grades, mas ela acaba sempre dando um jeito Poderia nos ajudar a entender este problema e tambem a resolver? Agradecemos Marcia Celina Maier de Albuquerque – email le-ma2011@hotmail.com

    • Oi Marcia.
      Galinha criada solta tem um comportamento bem diferente da galinha confinada. A noite é bem comum elas procurarem um lugar seguro, que pode ser um lugar alto como em sima de uma árvore, escada, telhado, muro… ou o mais próximo ao seu donos. Mesmo na cidade a galinha tem muitos predadores noturnos como o gambá, gato e cachorro. Minha sugestão é criar um galinheiro, mesmo que pequeno, para ela dormir a noite. Lembre-se que este abrigo/galinheiro tem que ser à prova de predadores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s